Governo da Mudança adere à paralisação dos municípios desta quinta-feira

Como forma de protestar contra a grave crise econômica que tem afetado os municípios baianos, as prefeituras de todo o estado ficarão fechadas na próxima quinta-feira (26), mantendo apenas os serviços essenciais. Organizado pela União dos Municípios da Bahia (UPB), o protesto, intitulado Movimento Pró Município, também contará com uma marcha dos prefeitos baianos até a Assembleia Legislativa, onde eles se reunirão com os deputados para apresentar a pauta de reivindicações e discutir as demandas.

Preocupado com a redução de repasses e cortes no orçamento, o Governo da Mudança atendeu ao chamamento da UPB e vai aderir à paralisação, se unindo ao protesto para buscar melhores condições de trabalhar pelos mangabeirenses. Por isso, as repartições da Prefeitura Municipal estarão fechadas durante a próxima quinta.

Confira abaixo a Pauta de reivindicações que será entregue e discutida na Assembleia Legislativa:

1. Reajuste dos repasses dos Programas Federais;
2. Retirada dos Programas Federais do cômputo dos gastos com pessoais;
3. Gravíssimo corte de quase 100% no orçamento do SUAS para 2018 que representará uma redução drástica das políticas sociais distributivas e protetivas, comprometendo a manutenção de serviços importantes como CREAS, CRAS, Bolsa Família, etc.;
4. Ínfima projeção de aumento do Fundo de Participação dos Municípios – FPM para o ano de 2018, tão somente no importe de 3.95%.
5. Edição de Medida Provisória para garantir aos Municípios brasileiros auxílio financeiro no aporte de R$4 bilhões, a fim de possibilitar que as administrações municipais fechem as contas do ano de 2017.

Por Simone Santos – AGECOM//Governador Mangabeira

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

Últimas Notícias

Nullam quis risus eget urna mollis ornare vel eu leo. Aenean lacinia bibendum nulla sed